domingo, 8 de março de 2009

Barbatuques de volta

Foto: Manolo Moran

Marcela Benvegnu


Depois de um ano sem se apresentar em São Paulo, o Barbatuques volta com força total e estréia amanhã, às 21h, no Teatro Santa Cruz, o espetáculo “Indivíduo Corpo Coletivo”. O grupo traz à tona sons orgânicos e tribais, colocando-os em contato com sonoridades contemporâneas e celebrando o corpo como fonte infinita de música. Palmas, estalos, batidas no peito, sapateados, vácuos de boca, recursos vocais entre vários outros sons são encadeados na produção de ritmos e melodias.
O grupo tem cumprido uma agenda de shows no exterior, com passagem por países como o Líbano, Espanha, Suíça e França. No final de 2008 fez sua primeira viagem aos Estados Unidos, onde participou de workshops e apresentações com o reconhecido músico e pesquisador Keith Terry, pioneiro da percussão corporal na costa oeste dos Estados Unidos, além de participar do 1º International Body Music Festival (Festival Internacional de Música Corporal) que aconteceu em dezembro, em São Francisco. O Barbatuques foi o grande destaque do evento que contou com a participação de artistas dos EUA, Indonésia, Canadá, França e Turquia.
A experiência vivida e absorvida a partir desta intensa pesquisa e troca cultural influenciou a criação de “Indivíduo Corpo Coletivo”. O show apresenta diversas composições inéditas além de músicas presentes nos dois CDs e no DVD já gravados pelo grupo.
¤
NA BATIDA — Fundado em 1996, o Barbatuques é dirigido pelo músico Fernando Barba e conta com 14 percussionistas corporais. O primeiro espetáculo do grupo “A Casa” foi apresentado em 1997 e o primeiro CD da trupe — “Corpo do Som” — foi lançado em 2002. Em 2003 eles lançaram o CD “Marias do Brasil”, destinado ao público infantil e resultado da peça homônima que teve trilha sonora de Chico César e direção musical de Fernando Barba. Na sequência eles lançaram “O Seguinte é Esse” (2005), e foram contemplados com o prêmio Tim de Música como melhor grupo de MPB. Foi no início de 2008 que o grupo lançou seu primeiro DVD “Corpo do Som ao Vivo”.

PARA VER — Indivíduo Corpo Coletivo, com Barbatuques. Estréia amanhã, às 21h, no Teatro Santa Cruz (rua Orobó, 277), em São Paulo. A temporada vai até o dia 29 de março, aos sábados, às 21h, e domingos, às 20h. Ingressos custam entre R$ 40 e R$ 20. Datas, local, horários e valores foram enviados pelos organizadores. Mais informações (11) 3024-5191.

Nenhum comentário:

Revista de Dança

Queridos amigos e seguidores do Tudo É Dança, Escrevo hoje para dividir com vocês todos, que dançam comigo aqui durante todos esses anos, ...